EscapismoAlternativo

AlternaCast #01

Olá sobreviventes!

Sejam bem-vindos a primeira edição do AlternaCast o podcast do blog. Nesta edição eu (Driele Rodrigues), Marcel Camp (http://vemaquinomeublog.blogspot.com.br/) e Diogo G (http://www.estragafilmes.blog.br/) falamos um pouco sobre as nossas infâncias e comparamos com a de hoje.

 Descubra porque toda criança já roubou a Lojas Americanas, porque jogos de tabuleiro eram muito melhores que os de computador,   como o celular foi o destruidor dos relacionamentos modernos e porque piadas sobre pum nunca tiveram graça. Tudo isso enquanto falamos mal de Restart e zoamos a barriga do André Marques!

Vocês podem ouvir o cast aqui mesmo ou baixar pela barra de opções do player. Não esqueçam de deixar um comentário com a opinião de vocês aqui  no blog ou mandem pelo e-mail!

Link Direto:
http://www.4shared.com/embed/1358007867/1f026639

Download: 

http://www.4shared.com/mp3/0rVk2MJz/AlternaCast_1_Velha_Infnciamp3.html?

E-mail: driele_kent@hotmail.com

 Podem esperar pela próxima edição daqui a 15 dias!!!

Anúncios

Cine Alternativo #02

Olá pessoal!

Hoje a coluna sobre cinema do blog traz um top cinco sobre um determinado segmento de filmes:

Amor infantil/juvenil

Alguns filmes sobre esse tema trazem uma visão bem descartável sobre o assunto, mas outros conseguem retratar esses amores inocentes com bastante sensibilidade, e rendem ótimas produções. Tentei fazer um top dez mas realmente não achei tantos que valessem á pena comentar  então ficou um top cinco mesmo

Segue abaixo o meu top 5 desse segmento:

5° Quem Quer Ser um Milionário

Do meu ponto de vista esse filme não deixa de ser um romance juvenil, afinal todas as ações do protagonista são para reencontrar o amor de sua infância e juventude. E a constante situação de encontro e perda entre os dois e a determinação do rapaz deixa esse clima de amor impossível mais legal, mesmo com todo drama em volta.

 

4° O Primeiro Amor (Flipped)

Essa história é contada de um jeito que eu adoro, do ponto de vista hora de um, hora de outro dos dois personagens.

O filme é cheio de mensagens de aprendizado e amadurecimento. O elenco jovem dá um show e o enredo é bem divertido.

3° Ponte para Terabítia

Quando duas crianças tem muita imaginação tudo pode acontecer. E é essa imaginação que faz surgir infinitas possibilidades nesta ótima história.

O filme nunca deixa explicito o amor entre os personagens, mas a amizade entre ele é tão envolvente e sugestiva que dá para perceber o sentimento ali.

Não vou mentir, chorei com o final, não vou dar spoillers  mas eu desafio quem vir pela primeira vez não se emocionar com o filme.

2° ABC do Amor

Ele acompanha as desventuras de um garoto, Gabe interpretado por Josh Hutcherson também protagonista do filme acima, em sua jornada rumo ao coração de Rosemary a primeira garota por quem se apaixonou.

Ele passa o filme inteiro tentando entender e lidar com o que está sentindo pela garota e com o divórcio em andamento dos pais. Ao se aproximar e conhecer melhor Rosemary ele ganha coragem, confiança, passa por conflitos e desilusões e começa a se aventurar por esse difícil processo que é o crescimento.

Quem não viu esse filme não pode deixar de ver tem cenas engraçadíssimas e como um todo não é apenas um filme de crianças se apaixonando, a lição dele serve para qualquer fase da vida.

1° Meu Primeiro Amor

Quem não lembra deste tesourinho da Sessão da Tarde com enredo emocionante, envolvente, divertido, realista e com o surpreendente final trágico?

Na verdade este filme não retrata só o primeiro amor, mas também várias primeiras experiências que se dão nessa transição de criança para adolescente. Dentre essas experiências Vada, personagem principal, tem seu primeiro contato com a morte, sua primeira paixonite pelo professor, sua primeira menstruação, primeiro beijo etc.

A seqüência, Meu Primeiro Amor parte 2 de 1994, não foi nem de longe tão legal quanto a primeira além de não fazer nenhum sentido.

E vocês, lembram de mais algum filme bom desse segmento? Qual o top cinco vocês fariam? Deixem suas respostas nos comentários!

A Máfia do Automóvel

 O DETRAN iniciou a operação Blitz Móvel para apreender carros irregulares no Rio de Janeiro.  Esta é uma nova modalidade de fiscalização no trânsito das cidades. Na operação o DETRAN conta com vários recursos tecnológicos de ponta para averiguar a situação dos carros, reboques e ainda apoio da polícia civil e militar. 

 Acompanhem meu raciocínio:

-A definição de “situação irregular” de acordo com o DETRAN são motoristas com carteira vencida, veículos com pagamento do IPVA atrasado, que não passaram pela vistoria obrigatória, ou em mau estado de conservação.

-O valor do IPVA de um carro popular não é menos de mil reais e nem vou mencionar a preço da vistoria e os custos de manter um carro em bom estado.

-Um motorista que usa o carro diariamente ou mesmo alguém que só usa para passeios tem um gasto absurdo com combustível, estacionamento, pedágio,  etc. E é claro, tem os gastos ‘pela esquerda’ como o flanelinha ou o ‘cafezinho’ de blitz irregulares.

Levando em consideração tudo que o motorista brasileiro passa para poder ter um pouco de conforto para se locomover vocês tem que concordar comigo que essa operação é só mais uma tentativa do Governo de arrancar dinheiro do cidadão!

Se o motorista tiver seu carro apreendido ele tem que pagar todos os impostos atrasados e ainda perde pontos na carteira. E aí dele se demorar muito para fazer pois os depósitos do DETRAN cobram uma diária, mais ou menos sessenta reais, para manter o seu carro apreendido. Ê ORGULHO DE SER BRASILEIRO NÉ[?]

Esse país cria armadilhas para arrancar dinheiro do próprio povo.

O Governo baixa os impostos para a indústria automobilística e os bancos aumenta a linha de crédito pessoal para qualquer um que ganhe um salário mínimo. Com o custo de produção menor as montadoras fazem uma distribuição em larga escala e as concessionárias baixam os preços e aumentam as facilidades de compra. O consumidor fica atraído pela ideia de conforto que o carro traz e parcela a compra em ’60x sem juros ‘ e um ano depois quando o carro se torna um investimento sem retorno ele tenta vender mas não consegue recuperar o valor que pagou pois o modelo já esta ‘ultrapassado’.

Como esta história não é um conto de fadas não se pode esperar um final feliz.

O cidadão termina endividado, o Governo faturando milhões em impostos, multas e leilões federais e as multinacionais crescendo com o dinheiro dos trabalhadores.

Essas são apenas minhas observações sobre o assunto você, caro leitor, deve tirar suas próprias conclusões e avaliar melhor em que investe seu dinheiro.

“Guardai-vos dos Falsos Profetas”

 

No último sábado a revista VEJA publicou uma matéria onde fala sobre uma série de investigações da Polícia do Rio sobre o pastor Marcos Pereira, fundador da Assembléia de Deus dos Últimos Dias.

 As denúncias contra o pastor variam entre estupro, tortura, associação com o tráfico e muito mais. E para sustentar as investigações a polícia conta com depoimentos de várias pessoas próxima ao pastor que confirmam sua conduta criminosa.

 É muito comum vermos hoje em dia igrejas, templos, ceitas e novas religiões surgindo á cada esquina e há pessoas tão desesperadas por “salvação” que se deixam convencer e são pegas com discursos espalhafatosos e demonstrações de poder.

 Quando se trata de religião a discussão sempre fica mais intensa. Não estou criticando a fé de ninguém mas sim as ações de um homem. Cada um tem suas crenças e acredita estarem certas. Mas seguir cegamente líderes que usam a boa fé das pessoas como forma de lucrar não é a resposta.

 Acho que todos vocês lembram de um certo Bispo Macedo que virou dono de emissora de TV Record e construiu um império corporativo com o dinheiro arrecadado em suas igrejas Universal com pregações que prometiam entre outras coisas sucesso financeiro e retorno dobrado mediante a dízimos e “doações”. Parece que estamos vendo a história se repetir.

   Quem quiser ler a matéria da VEJA clique no link:

http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/o-templo-da-perversao

Cine Alternativo #01

Olá pessoal! Gosto de separar os assuntos abordados no blog em colunas e esta é a primeira. Espero que gostem!

A dica de filme que eu tenho para vocês é bem recente, inclusive ainda está nos cinemas: Drive.

  O filme conta a história de um piloto de filmes que faz uns bicos como motorista em roubos. Ele acaba se envolvendo com a vizinha cujo marido que estava na prisão é solto depois de algum tempo.  O marido é ameaçado á fazer um roubo para pagar uma dívida que contraiu enquanto preso e ele se oferece para ajudar, dirigindo no serviço.

 Quando vários incidentes ocorrem durante e após o roubo ele percebe que se envolveu numa armação e precisa achar uma saída segura; o que, conforme o desenrolar dos acontecimentos, se torna cada vez mais difícil e perigoso.

 Certa crítica dizia “Esperamos 30 anos para vez um filme como esse”.

 O filme é sim excelente e Rayan Gosling está em sua melhor forma como o misterioso motorista. O roteiro tem ótimas sacadas como o fato do nome dele nunca ser dito e do final nos deixar na dúvida até o último momento. A trilha sonora é muito boa e nos remete ás melhores produções oitentistas. A própria postura do personagem principal com seu ar contido mas sempre se impondo em cena é um diferencial. Há muito tempo não vejo um personagem tão “bad ass” que sequer usa uma arma.

 Para quem tem dúvidas sobre o filme pode ver sem medo, certeza não irá se arrepender!

Facebook VS Blog

  O velho sendo trocado pelo novo é uma lei da vida, mas principalmente da internet.

 Depois que o Facebook se popularizou no Brasil todos migram do Orkut para lá. No início pensei que fosse só fogo de palha como tantas outras redes sociais que surgiram, geraram um burburinho e depois nunca mais se ouviu falar. Mas agora que o Face eclipsou quase que completamente as outras redes sociais, exceto pelo Twitter  eu acho, ele está tornando cada vez mais difícil a vida dos blogueiros.

 Muitos blogueiros já preferem usar o Facebook  como um mini blog onde podem postar textos cada vez mais resumidos e obter respostas rápidas e instantâneas do que pensar, escrever, editar e publicar um texto mais elaborado. Também os leitores se mostraram receptivos á esse contato mais direto onde uma discussão pode ser gerada em segundos.

 Eu ainda prefiro os blogs.

 Gosto de poder entrar no site ler u texto com calma e fazer um comentário relevante e não apenas “curtir” o link como já nos acostumamos a fazer.

 Adoro o Facebook e acho que ele é ótimo para impulsionar as discussões, mas mesmo que se filtre o fluxo de informação é muito caótico! Bons textos e discussões validas ficam perdidos em meio a piadas, imagens, fotos pessoais, citações, frases de efeito e joguinhos do tipo “curta ou compartilhe”.

 Há quem diga que o Face vai acabar substituindo os blog. Será?

Novo Começo

 Saudações leitores passados, presentes e futuros!

 Se você já me conhece do meu antigo blog (Falando Sobre…) espero que goste deste novo formato com que estou trabalhando e se não me conhece vamos á uma breve apresentação.

 Meu nome é Driele Rodrigues e sou blogueira há um ano.

 Em meu 1° ano como blogueira tive muitas experiencias boas e conheci várias pessoas talentosas e interessantes no meu antigo espaço.

 Devido á alguns problemas pessoais parei de escrever e depois de um hiato de mais ou menos cinco meses me animei a recomeçar com esse novo projeto. 

 É isso! Se vocês quiserem conhecer um pouco do meu trabalho podem dar uma olhada no meu velho blog que continua ativo mas que não terá novas atualizações: Falando Sobre…, mas aviso que aqui produzirei algo diferente, um pouco mais conciso e aprimorado.

Até o próximo post!

Navegação de Posts